WeCreativez WhatsApp Support
Tire suas Duvidas através da nosso canal de atendimento via WhatsApp.
Oi, como posso ajudar?

A região do ABC recebeu na sexta-feira (15) o ‘’Ônibus da Mulher’’, projeto que percorrerá as periferias das sete cidades oferecendo assistência, acolhimento e orientação às mulheres em situação de violência doméstica.

A iniciativa, organizada pelo Grupo de Trabalho Gênero, faz parte do conjunto de ações que visam aprimorar a Política Nacional de Enfrentamento à Violência Contra as Mulheres, da Secretaria de Política para as Mulheres (SPM), do governo federal.

O ônibus, adaptado e equipado para o atendimento emergencial e preventivo de mulheres vítimas de violência, passará a percorrer áreas de periferia e assentamentos precários das sete cidades a partir do dia 18. Nesta data, a “Unidade Móvel para

Atendimento de Mulheres em Situação de Violência” estará no município de São Caetano do Sul, das 9h às 16h. Em seguida, seguirá para Ribeirão Pires (dia 19), Rio Grande da Serra (dia 20), São Bernardo do Campo (dias 21 e 22), Mauá (23 a 25), Santo André (dias 26 e 27) e Diadema (de 28 a 30).

Dentro do ônibus haverá equipe multidisciplinar preparada para o atendimento humanizado, com profissionais de diferentes áreas de atuação, como assistentes sociais, psicólogas (os), advogadas (os) e educadores sociais, treinados para escutar denúncias e orientar sobre a defesa dos direitos das mulheres. A programação nos municípios prossegue até o dia 30 (veja itinerário completo abaixo), sempre das 9h às 16h, e incluirá também oficinas e atividades lúdicas.

Estima-se que dos 2,6 milhões de habitantes da região do ABC, aproximadamente metade (1,3 milhão) seja composto por mulheres, boa parte delas moradoras de áreas de mananciais, da periferia e de assentamentos precários, sem acesso rápido aos recursos da rede urbana de serviços públicos concentrados nas áreas centrais. Frequentemente

são vítimas do machismo, do sexismo (preconceito de gênero) e de altos índices de violência e impunidade aos agressores.Conduzido por mulheres O Ônibus da Mulher chegará ao ABC conduzido por uma das três motoristas que serão responsáveis por dirigi-lo durante todo o trajeto que será percorrido até o final do mês.

Elas passaram por treinamento para entender como funcionavam os acessórios especiais do veículo.

(Fonte: Consórcio Nacional Grande ABC, publicada dia 14 de agosto)