WeCreativez WhatsApp Support
Tire suas Duvidas através da nosso canal de atendimento via WhatsApp.
Oi, como posso ajudar?

Na quinta-feira (30/10), o presidente da Fiems, Sérgio Longen, e os demais diretores do Sistema Indústria entregaram 33 veículos novos para atender as unidades do Sesi e Senai no Estado e uma nova unidade móvel de soldagem do Senai. “A ampliação da frota integra o nosso compromisso de oferecer uma melhor estrutura de apoio ao atendimento disponibilizado para as indústrias do Estado, enquanto a unidade móvel de soldagem do Senai ampliará a abrangência da formação profissional existente hoje”, declarou, completando que nos últimos anos foram entregues mais de 100 veículos e 35 unidades móveis para fazer frente ao desenvolvimento estadual.

Já o superintendente do Sesi, Michael Gorski, acrescenta que os 10 automóveis destinados para a entidade vão conferir mais mobilidade para as unidades do interior de Mato Grosso do Sul, principalmente, para as novas unidades de Aparecida do Taboado e Naviraí, além de Maracaju, que vai ser inaugurada no fim deste ano. “Esses veículos vão possibilitar o transporte de equipamentos do Sesi para atender as indústrias e os seus trabalhadores”, informou.

Para o diretor-regional do Senai, Jesner Escandolhero, além da melhor mobilidade, os 23 veículos novos entregues para a entidade vão permitir uma melhoria na operacionalização dos serviços oferecidos em todo o Estado. “Cada unidade do Senai vai receber no mínimo um veículo novo. Essa ampliação da frota atende o aumento da demanda  das unidades, sobretudo na questão da interiorização das ações nas cidades onde não há unidade fixa e atuamos com parcerias”, garantiu.

A unidade móvel de soldagem do Senai tem três ambientes com sala de aula e dois laboratórios, sendo que a sala de aula tem espaço para atender 10 alunos, conta com ar condicionado, data show e rampa de acesso para pessoas com deficiência motora, enquanto o laboratório possui 10 máquinas multiprocessos (processo eletrodo revestido, processo mig mag e processo tig), além do laboratório de ensaios (ensaio destrutivo e não destrutivo), que faz a verificação do controle de qualidade. Além disso, possui ainda lixadeira e esmerilhadeira, alimentada na corrente elétrica e pneumática.

Na avaliação do 3º vice-presidente regional da Fiems, Lourival Vieira Costa, que também é presidente do Simec (Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Corumbá), a chegada da nova unidade móvel vai oportunizar o atendimento mais ágil, já que a mobilidade permite chegar onde a demanda está. “Hoje temos muitos profissionais que aprenderam a profissão dentro das próprias empresas, mas que precisam do conhecimento técnico que só a qualificação profissional pode oferecer, por isso a unidade vem atender essa necessidade”, afirmou.

O presidente do Simemae/MS (Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Mato Grosso do Sul), Irineu Milanesi, destacou que o setor tem um crescimento constante e, consequentemente, as necessidades de formação de mão de obra também aumentam. “O segmento evolui com novos equipamentos e nós precisamos de trabalhadores qualificados para operá-los”, pontuou.

Para a diretora da Fiems, Milene Nantes, a nova frota vai dar mais agilidade ao atendimento. “Será mais uma ferramenta para levar os serviços do Sesi e Senai para as indústrias”, disse. O presidente do Sindicer/MS (Sindicato das Indústrias Cerâmicas de Mato Grosso do Sul), Natel Moraes, resume a iniciativa com uma palavra: agilidade. “As unidades do Sesi e Senai poderão ter mais rapidez e atender mais indústrias”, afirmou.