WeCreativez WhatsApp Support
Tire suas Duvidas através da nosso canal de atendimento via WhatsApp.
Oi, como posso ajudar?

A Prefeitura do Natal por intermédio do Instituto Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon Natal) passou a oferecer, com a inauguração de sua primeira unidade móvel, mais uma ferramenta para informar e orientar à população sobre os direitos do consumidor. A unidade móvel foi inaugurada na Rua João Pessoa, Cidade Alta e vai possibilitar a descentralização do atendimento e uma maior proximidade com o consumidor que procurar o instituto em busca dos seus direitos.

Na Unidade Móvel será possível orientar, esclarecer dúvidas, realizar atividades de educação para o consumo e orientação para o uso consciente do crédito, distribuição de material educativo e registro de reclamações contra empresas que infringem o Código de Defesa do Consumidor.

O veículo terá capacidade para realizar dois atendimentos simultâneos internos e uma triagem externa. O trailer é equipado com ar-condicionado, acessibilidade, banheiro e demais equipamentos necessários para o desempenho das atividades de maneira confortável e segura para os consumidores. A expectativa inicial é de realizar pelo menos 300 atendimentos por mês.

A Unidade móvel foi adquirida com recursos do Fundo Municipal de Defesa dos Direitos Difusos (FMDDD), oriundos de multas aplicadas pelo órgão às empresas que violam os direitos dos consumidores.

O Procon Natal, objetivando atender cada vez melhor os consumidores, realizará essas ações disponibilizando atendimento nos bairros, centros comerciais, associações, escolas e outras entidades beneficiando assim as comunidades em busca dos direitos consumeristas. Todo mês será divulgada uma programação contendo dia, horário e local onde o veículo estará. Para consultá-la, basta acessar o site do Procon Natal (www.natal.rn.gov.br/procon).

“É a primeira unidade móvel de Defesa do Consumidor da nossa cidade, e o natalense vai ganhar um importante aliado na sua defesa. Levaremos mais cidadania para toda população e faremos a educação para o consumo de uma forma consciente”, destaca o diretor geral, Daniel Bandeira.

Para a abertura de reclamações, os usuários devem levar RG, CPF, comprovante de residência em Natal, procuração (se necessário) e cópia dos documentos pertinentes à reclamação (nota fiscal, fatura ou recibo do produto).

Fonte: Prefeitura de Natal
Foto: Divulgação Procon